domingo, 3 de maio de 2009

Meu pai: 46 anos de poesia na Rádio Rural de Caicó-Rn



Este é o meu pai. Seu nome é Francisco Fernandes da Mota, mas todos o conhecem por Chico Mota.
É poeta, violeiro, repentista e cordelista. Meu pai é um jovem de 84 anos.
Todos os dias às 6:00 da manhã, pega sua viola e divulga a cultura popular fazendo versos de improviso e cantando canções na Emissora de Educação Rural de Caicó-RN, até às 7:00 horas.
Faz isso há exatos 46 anos, festejados nesse 1°de maio, dia que também coincide com o aniversário da referida Rádio. No mesmo dia em que a emissora foi inaugurada, meu pai estreou o programa "Violeiros do Serido". É o programa de rádio do gênero mais antigo do Brasil. (segundo as estatísticas do meu irmão Djalma)
Para comemorar essa data, há doze anos, ele e o meu irmão, o locutor do Programa, organizam um Encontro de Poetas, que conta com a participação de repentistas renomados de vários estados e também da região.

Ei-lo aqui, no seu porte elegante, todo no linho branco, pronto para receber os amigos poetas repentistas, que outrora contaram e ainda contam com a nossa casa como apoio e o programa como instrumento de difusão de sua arte pela região.



O palco e o cenário do "XII Encontro de Poetas Repentistas" , festa que aconteceu no Clube "Pingo d'água em Caicó e recebeu os poetas que encantaram a platéia, cantando em sua homenagem.



Cordel... "O Pavão Misterioso", parte do cenário organizado por Dodora Medeiros e Custódio Jacinto que junto com Djalma e tantos outros batalhadores, impulsionam as atividades na Casa de Cultura de Caicó, ora funcionando no "Sobrado do Padre Brito Guerra".


Meu irmão, o poeta e radialista Djalma Mota. Locutor do Programa Violeiros do Seridó, bem como de mais dois outros progamas na Rádio Rural, e um dos organizadores do Festival. Ele e meu pai são membros da Academia Norte-Riograndense de Trovas.

Entre os poetas, amigos que se apresentaram no Festival de 1° de maio de 2009. Uma justa homenagem .

Parabéns, meu pai!
Que com o seu canto, você continue por muito tempo a alegrar as manhãs do povo seridoense.
Parabéns, Djalma, por difundir incansavelmente a poesia, a cultura popular na nossa região.
Parabéns Dodora. Parabéns Custódio !


Share/Save/Bookmark

8 comentários:

Moacy Cirne disse...

Parabéns para seu pai, para seu irmão e também para vocês. Todos mercem a nossa estima.

Um beijo.

Jens disse...

Oi Inês.
Parabéns ao pai, ao irmão e a você. Família é tudo, acredito. E a sua, pelo que pude perceber no post, é unida e solidária entre si e os amigos. Vou tomar uma cerveja em homenagem a Chico Mota.
Salut pra ele e um beijo pra você.

Ines Motta disse...

Obrigada, Jens, obrigada Moacy pelas felicitaçõs.
De fato, é uma família mumerosa. São 11 filhos e muitos netos, já.
E o mais importante: muito unida e solidária.
Um grande beijo pra vocês.

Ramiro Conceição disse...

Repito as palavras do Moacy e as do Jens: parabéns ao seu pai e também para o seu irmão.

Por ser poeta, sei o quanto é difícil manter a poesia viva no seio dessa nova geração. De certa forma, faço o mesmo por aqui, na grande Vitória, ES. Há mais de um ano, cada último domingo do mês, participo de um evento poético denominado "DomingodiVersos", na Casa de Cultura de Vila Velha. Declamo meus poemas junto aos Poetas da região: pescadores, pedreiros, donas de casa, professoras e professores etc. Infelizmente, ainda, há pouca participação da juventude, mas a gente vai levando esta trama!
Para mim, paulistano da gema, está sendo uma grande experiência porque lido com dois extremos da cultura capixaba: um deles é uma elite acadêmica pois sou professor de pós-graduação em engenharia metalúrgica do Ifes (Instituto Federal do Espírito Santo); o outro é o povão capixaba com toda a sua simplicidade, ternura e beleza, mas que, por incrível que pareça, não percebe!

Bem, novamente, parabéns ao seu pai e ao seu irmão.

BAR DO BARDO disse...

VIVA A FAMÍLIA MOTA!

PARABÉNS!

Rossana Guessa disse...

Mulher... fazia uns dias que naum dava umas incertas aqui no seu blog, quanta novidade heim? fiquei emocionada em ver o velho Chico (não o Rio,rs) aqui com tão merecida e justa homenagem, além de todos os já devidamente homenageados, você só está esquecendo de uma pessoa... Você mesma... rs que sempre deu apoio... veja bem, você quase sempre está por lá nessa época do ano para dar aquela força, organizando o anual café com viola na Rádio Rural.. rs. Beijão querida. Te Amo!!

Pedro Augusto www.seridopintadocompalavras.blogspot.com disse...

A família toda está de parabéns!!! Inês, Há algum link que transmita o programa pela internet??? Se houver, gostaria que a amiga postasse aqui no seu blog.

Ines Motta disse...

Olá, Pedro.
Obrigada pela visita.
O link da Rádio Rural pera ouvir ao vivo é;

http://www.radiorural.com/
(aí escolhes a AM ou FM.

ou:

http://www.kurticaoempresas.com.br/radiorural/am/aovivo.php


Abraços.